Pelo menos 4 moradores de Quirinópolis, todos clientes de um mesmo banco, caíram em um golpe.
O golpe funciona da seguinte maneira: O estelionatário entra em contato com clientes do banco, se identificando como funcionários da central da referida instituição financeira e que a ligação tem por objetivo fazer o reconhecimento de compras feitas com o uso de cartão de crédito. A vítima diz que não efetuou nenhuma compra e é orientada a entrar em contato com a central de atendimento do banco, a fim de relatar sobre a situação. Possivelmente, já com o telefone clonado, a vítima acreditando estar falando com servidores do banco, recebe a informação de que realmente consta compra em seu nome e que um policial civil irá à casa dela (da vítima), a fim de pegar o cartão e a senha para se tomar as medidas necessárias, sem que a pessoa precise sair de casa. De posse do cartão e da senha, os espertalhões vão até terminais de auto-atendimento, onde realizam saques.

O alerta foi repassado por uma instituição financeira ao PROCON de Quirinópolis. A coordenadora do órgão de proteção de defesa do consumidor, Maria Laura, explica que como não se trata de uma relação de consumo e sim de um crime, as vítimas devem comunicar o fato à polícia. Maria Laura entrou em contato com a imprensa, a fim de que os veículos de comunicação possam fazer o alerta à comunidade, pra se evitar novos golpes.

TEXTO: NOSSA TV

Profissional com mais de 20 anos de experiência. Qualidade e preço justo! 64 98443 5010 – Mirim

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui