Considerada a maior feira de tecnologia agrícola do Centro-oeste do Brasil, a Tecnoshow, tradicionalmente realizada no município goiano de Rio Verde, teve sua suspensão confirmada nesta sexta-feira (13/3). A decisão, comunicada pela Cooperativa Agroindustrial dos Produtores Rurais do Sudoeste Goiano (Comigo), organizadora da feira, foi tomada em atendimento às orientações das autoridades sanitárias contidas no alerta do Ministério da Saúde, que “estabelecem medidas para enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do coronavírus (Covid-19)”.

Em um comunicado oficial divulgado hoje, sexta-feira, o presidente da Comigo, Antonio Chavaglia, lamenta a decisão de suspender a feira por tempo indeterminado, mas argumenta que “neste momento, é vital unir esforços para conter a escalada da doença [Covid-19] e proteger a população, evitando aglomerações de pessoas”.

Chavaglia diz ainda que a decisão da Comigo está seguindo rigorosamente um dos princípios que norteiam o cooperativismo, “que é o interesse pela comunidade”, entendendo que a saúde pública “vem em primeiro lugar.

A edição da feira do ano passado gerou, segundo os organizadores, R$ 3,4 bilhões em negócios.

Leia o comunicado oficial divulgado pelo presidente da Comigo a respeito da suspensão da Tecnoshow 2020

“COMUNICADO OFICIAL DO PRESIDENTE DA COMIGO SOBRE A TECNOSHOW 2020

A COMIGO, organizadora da TECNOSHOW COMIGO, sensível à situação atual que envolve a questão do coronavírus no País e no mundo, e atendendo as orientações das autoridades sanitárias contidas no alerta do Ministério da Saúde, que “estabelece medidas para enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do coronavírus (Covid-19), bem como o informe da Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI)”, e, ainda, pelos decretos emitidos pelo Governo do Estado de Goiás e pela Prefeitura de Rio Verde, DECIDIU PELA SUSPENSÃO, POR TEMPO INDETERMINADO, da TECNOSHOW COMIGO, feira de tecnologia rural que aconteceria entre 30/03 e 03/04 de 2020, no Instituto de Ciência e Tecnologia (ITC) em Rio Verde-GO.

Lamentamos profundamente o fato, mas neste momento é vital unir esforços para conter a escalada da doença e proteger a população, evitando aglomerações de pessoas, já que era esperado um público de aproximadamente 120 mil pessoas nos cinco dias.

A decisão da Cooperativa, também, está seguindo rigorosamente um dos princípios que norteiam o cooperativismo que é o “Interesse pela comunidade”, entendendo, como sempre fez, que a saúde pública vem em primeiro lugar.

Assim, agindo com a responsabilidade social que lhe cabe e que sempre pautou sua trajetória em 45 anos de existência, a COMIGO está fazendo sua parte em prol do bem-estar das pessoas.Contamos com a compreensão de todos.

Atenciosamente.

Antonio Chavaglia

Presidente da COMIGO”

FONTE: O Dia Online

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui