A quantidade de óbitos pela Covid-19 no estado de Goiás pode estar abaixo do número real. Segundo um levantamento realizado pela Secretaria de Saúde de Goiás (SES-GO), até o dia 10 de maio, aproximadamente 1.300 mortes pelo novo coronavírus não haviam sido declaradas no Sistema de Informação da Vigilância Epidemiológica da Gripe (Sivep Gripe).

De acordo com o boletim epidemiológico atualizado, o estado possui 16.353 óbitos por Covid-19.  Mas, se considerar os dados que não foram inseridos no sistema, esse número salta para 17.600.

A SES-GO informou, por meio de nota, que “a notificação dos óbitos pode ser feita pela própria unidade de saúde onde ocorreu a morte”, bem como que é de competência dos municípios “acompanhar os casos ocorridos no seu território”.

Leia na íntegra a nota da Secretaria de Saúde de Goiás:

“A notificação dos óbitos pode ser feita pela própria unidade de saúde onde ocorreu a morte, seja pública ou privada, ou pela Secretaria de Saúde do município onde se encontra a unidade. Cabe à cidade acompanhar os casos ocorridos no seu território, notificando a morte e atualizando as fichas dos pacientes. 

Desde o ano passado, tem sido feito um acompanhamento sistemático entre os casos e mortes por Covid-19 no Sistema de Informação da Vigilância Epidemiológica da Gripe (Sivep). A SES-GO tem se colocado à disposição dos municípios para ajudar a eliminar ou, pelo menos, minimizar notificações fora do tempo oportuno, visto que toda morte pela doença deve ser notificada no Sivep em até 48 horas”.

(Com informaçoes do Mais Goiás)