Um frigorífico do grupo Marfrig teve suas atividades suspensas depois que pelo menos 28 casos de Covid-19 foram confirmados em Mineiros, a cerca de 425 km de Goiânia. A determinação foi publicada em um decreto do município, depois que o Ministério Público de Goiás (MP-GO) realizar uma análise de contágio nas maiores empresas da cidade.

Com a determinação, o frigorífico não poderá funcionar até o dia 29 de junho, sob pena de multa no valor de R$ 100 mil. Se houver reincidência, o valor vai para R$ 300 mil.

Após analisar os dados do SUS com relação às infecções por coronavírus e detectar o alto número de casos da doença na empresa, o MP-GO enviou um ofício para a prefeitura de Mineiros. Nele o órgão relatou que os funcionários trabalham muito próximos em ambientes fechados. Além disso, destacou que existem pontos de aglomeração dos trabalhadores, como os ônibus que realizam o transporte, refeitórios, salas de descanso, vestiários, entre outros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui