O Governador Ronaldo Caiado não tem medido esforços na luta contra o coronavirus, desde o início da semana intensificou as ações para evitar a proliferação do vírus em Goiás, mesmo que as medidas sejam impopulares, mas que garantam o bem-estar da população. Na noite dessa terça-feira editou novo decreto para evitar aglomeração de pessoas, proibindo a abertura de bares, lanchonetes e outros estabelecimentos.

Em mensagem o Governador disse o seguinte:

“Acabei de assinar um decreto que amplia as medidas de prevenção para impedir a proliferação do novo coronavírus em nosso Estado. Dessa maneira, foram suspensos por 15 dias:
✅ atividades em feiras, inclusive feiras livres;
✅ atividades em shopping centers, galerias ou pólos comerciais de rua;
✅ atividades em bares e restaurantes, mas serviço de entrega é permitido;
✅ atividades em cinemas, clubes, academias, boates, teatros, casas de espetáculos e clínicas de estética;
✅ atividades de saúde bucal/odontológica, pública e privada, exceto aquelas relacionadas ao atendimento de urgências e emergências.
É bom ressaltar que todos os estabelecimentos médicos e hospitalares, além dos laboratórios, farmácias, supermercados, distribuidoras de gás e postos de combustíveis CONTINUARÃO FUNCIONANDO normalmente. Se formos enérgicos na prevenção, vamos conseguir colocar fim ao COVID-19 em nosso Estado!Como diz o velho ditado (e eu concordo): é sempre melhor prevenir, do que remediar.#GoiásContraCoronavírus”.

No vídeo Ronaldo Caiado faz um pronunciamento aos goianos;

Confira o decreto: