Uma paciente, de 28 anos, com sintomas do novo coronavírus está internada no Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (HC-UFU). O caso suspeito foi confirmado nesta quarta-feira (26), pela Secretaria Municipal de Saúde, que informou que segue todas as orientações de atendimento definidas pelo protocolo do Ministério da Saúde.

Em nota, o HC-UFU confirmou que internou um paciente com suspeita de infecção pelo coronavírus, que segue monitorado em isolamento aguardando resultados de exames. Também afirmou que o paciente chegou da Itália em São Paulo e foi para Uberlândia.

Apesar de a TV Integração ter as informações de que se trata de uma jovem de 28 anos e questionar a instituição sobre, o HC não confirmou o sexo ou idade do paciente.

O Ministério da Saúde informou, nesta quarta-feira (26), que há dois novos casos suspeitos de coronavírus sendo investigados em Minas Gerais.

De acordo com a Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG), os dois são de mulheres e em Belo Horizonte.

Segundo a SES-MG, uma mulher de 57 anos apresentou sintomas respiratórios no dia 22 de fevereiro. A paciente viajou para Dubai, saindo de BH dia 25 de janeiro, e, durante a viagem, esteve na Tailândia, Vietnã e Camboja.

Ela chegou no Brasil em 17 de fevereiro e à capital mineira no dia 19. Em 25 de fevereiro, com sintomas de síndrome gripal, procurou atendimento médico em hospital privado da capital.

Por se enquadrar nos critérios de caso, o hospital notificou a suspeita de Covid-19. A paciente está internada em isolamento em um hospital particular de Belo Horizonte e o quadro de saúde é estável. As amostras laboratoriais foram coletadas e enviadas para análise.

No segundo caso, a SES-MG foi notificada no último dia 25 sobre outra suspeita de uma mulher de 25 anos que mora em BH e teve sintomas de síndrome gripal no dia 22.

Ela viajou para a Tailândia, saindo de Belo Horizonte dia 4 de fevereiro, passou pelo Vietnã, Cingapura e fez conexão nos aeroportos de Abu Dabi e Madri durante o deslocamento.

Em 24 de fevereiro, ela voltou ao Brasil e, no dia seguinte, procurou atendimento médico, sendo considerada caso suspeito de Covid-19.

A paciente está internada em isolamento no Hospital Júlia Kubitschek, na Região do Barreiro, que faz parte da Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais (Fhemig). O quadro de saúde dela é estável. As amostras laboratoriais foram coletadas e enviadas para análise.

No Brasil
Ao todo no Brasil, 20 casos suspeitos da doença estão sob investigação. Doze das 20 pessoas estiveram na Itália, que enfrenta um surto de Covid-19, a doença causada pelo vírus.

Nesta quarta-feira, o 1º paciente foi confirmado com o novo coronavírus no Brasil.

Ainda dentro dos 20 casos monitorados, duas pessoas viajaram para a Alemanha, duas para a Tailândia, uma para a China, uma para a França, uma teve contato com o paciente confirmado e uma teve contato com um caso suspeito.

Os pacientes, 11 mulheres e 9 homens, estão sendo monitorados em 7 estados:

1 paciente na Paraíba;
1 paciente em Pernambuco;
1 paciente no Espírito Santo;
2 pacientes em Minas Gerais;
2 pacientes no Rio de Janeiro;
11 pacientes em São Paulo;
2 pacientes em Santa Catarina.
A pessoa mais velha tem 68 anos, e a mais nova, 20.

Outros 59 possíveis casos já haviam sido descartados pelo governo brasileiro.

Caso confirmado
O paciente que teve os exames confirmados para a Covid-19 é um morador de São Paulo de 61 anos que viajou para o norte da Itália entre 9 e 21 de fevereiro. O paciente tem sinais brandos da doença, como tosse, e está em isolamento domiciliar.

Os exames de detecção da doença são feitos a partir da coleta de materiais respiratórios (aspiração de vias aéreas ou coleta de secreções da boca e nariz), que é realizado pelo hospital que atendeu o caso suspeito e encaminhado ao laboratório de saúde pública na capital.

Os dados oficiais estão sendo registrados pelos municípios em um sistema de notificação do Ministério da Saúde.

Brasil tem 20 casos suspeitos de coronavírus

FONTE: G1