Profissional com mais de 20 anos de experiência. Qualidade e preço justo! 64 98443 5010 – Mirim

O morador ou empresa que promover festa com aglomeração de pessoas durante a quarentena pelo coronavírus, em Rio Verde, região Sudoeste do estado, pode ser multado pela Guarda Civil Metropolitana ou por outros aparatos de fiscalização municipal. A prefeitura estabeleceu a multa por meio de decreto e entrou em vigor na quinta-feira (21).

O decreto prevê duas multas para situações distintas:

Primeira vez, multa de R$ 3 mil

Segunda vez, multa de R$ 10 mil

A realização de festas e eventos na cidade estão suspensas desde 16 de março, também proibidas via decreto municipal, mas este novo texto editado pelo prefeito acrescentou as multas para quem organizar os eventos durante a pandemia, ainda que sejam domiciliares.

Segundo o decreto, a multa será lançada no CPF ou CNPJ do infrator e o valor revertido para o Fundo Municipal de Saúde para o combate ao coronavírus.

O município contabiliza, até esta sexta-feira (22), duas mortes provocadas pelo novo vírus e 34 casos confirmados da doença. Os dados são da Secretaria Estadual de Saúde.

Fonte: G1