A Polícia Civil de Quirinópolis cumpriu na última terça-feira (1), mandado de prisão preventiva em desfavor de um homem, acusado de estupro de vulnerável, contra um menino de 13 anos de idade.
À polícia, o garoto contou que o autor é cunhado do seu tio. O estupro aconteceu durante uma confraternização em família. O autor aproveitou que o garoto estava em um quarto, para beijá-lo e força-lo a praticar sexo oral nele. O preso foi ouvido na delegacia de polícia e colocado à disposição da autoridade judicial. Se condenado, ele pode pegar até 10 anos de prisão.
FONTE: Polícia Civil