Policiais do Gepatri (Grupo Especializado de Combate a Crimes Patrimoniais) de Rio Verde, sob comando do delegado Maurício Santana, prenderam na tarde desta quarta-feira (17) Cleomar Alves de Menezes, de 31 anos. Ele é suspeito de ser o autor do latrocínio – roubo seguido de morte – de Eva Maria Martins Bizelli, de 83 anos. O crime aconteceu na noite da última segunda-feira (15), na casa dela, no bairro Popular.


Segundo informações obtidas pelo DIÁRIO DO RIO VERDE, após ser preso, Cleomar confessou o crime. O homem havia saído há cerca de 10 dias do sistema prisional pelo crime de roubo.
Eva foi morta com um golpe de um bloco de concreto na cabeça.
Conforme relatou o filho de Eva, Gilberto Bizelli, Cleomar passou a tarde na companhia dele e da mãe. Quando Gilberto foi dormir e acordou no meio da noite, por volta das 20h, encontrou a mãe já sem vida no sofá. Nem o parente, nem a carteira com dinheiro e documentos da vítima estavam no local.


Uma equipe do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) chegou ao local, mas Eva já estava morta.
A reportagem do DIÁRIO DO RIO VERDE recebeu a informação de que o suspeito teria utilizado um bloco de concreto para golpear a vítima na cabeça. Os policiais encontraram o objeto e nele foram achados vestígios do cabelo de Eva.
O delegado Maurício Santana vai divulgar maiores detalhes sobre o caso nesta quinta-feira (18), em coletiva de imprensa marcada para as 10h, no auditório da 8ª Delegacia Regional de Polícia, em Rio Verde.

Foto: Tv Sudoeste
Fonte: Diário do Rio Verde